Ceo Liderar Com Proposito

SÃO 5 ANOS – Transformação da Cultura Institucional

“Naqueles anos buscamos intensificar a educação das pessoas. No desenvolvimento de lideranças valia tudo: filmes, palestras, livros e manuais de franquias. Eu porém, nunca fiquei satisfeito com o nosso processo de evolução. Certa ocasião, o professor Falconi me apresentou a um consultor japonês de 80 anos de idade, com quem tive o seguinte diálogo:

Gestor: Incomodo-me que o MÉTODO não traga resultados de curto prazo e nós precisamos de resultados transformacionais.

Consultor: A qualidade total leva 5 anos para ser absorvida por uma organização.

Gestor: Não podemos esperar tanto.

Consultor: A qualidade total leva 5 anos para ser absorvida por uma organização.

Gestor: Não podemos esperar tanto.

Consultor: A qualidade total leva 5 anos para ser absorvida por uma organização.

Gestor: Mas deve haver uma maneira mais rápida.

Consultor (perdendo a paciência nipônica): SÃO 5 ANOS PORQUE AS PESSOAS LEVAM 5 ANOS PARA MUDAR!!!”

_trecho extraído do livro ‘O Verdadeiro Poder’ de Vicente Falconi_

Esse é um ‘recorte’ que utilizo pra explicar à líderes que não existe mágica na transformação de qualquer aspecto da cultura institucional.

Gosto muito deste exemplo não só pelo fato do consultor ser japonês e ter 80 anos (o que pode ser bem intimidador). Mas principalmente por ser uma experiência real contada por um dos clientes do Falconi que é um dos gurus em administração e qualidade aqui no Brasil.

Veja bem, que a mudança é demorada nós sabemos.

Então por que insistimos em resultados de curto prazo? E o pior, investimos em ferramentas que prometem resultados rápidos e transitórios? Existe estratégia sustentável nestas escolhas?

E claro, existem técnicas, serviços e produtos que instantaneamente podem aperfeiçoar a produtividade, indicadores e estratégias. Mas são sustentáveis?

Quando alguma ideia ou projeto sai do papel e evolui não só para a prática, mas para a rotina operacional e IMPLÍCITA de equipes, falamos de consolidação ou imersão na cultura institucional.

Estar implícito é estar presente no comportamento, valores e na maneira de pensar das pessoas.

Isto sim pode ser chamado de transformação.

Quantos projetos (super bem intencionados) estão imergindo somente AGORA na tua cultura institucional, enquanto tu preparas um outro projeto muito diferente (super bem intencionado) para o ano que vem?

Entendes que tudo passa a estar em constante transformação mas de maneira confusa e às vezes avessa?

Assim fica difícil instaurar uma mudança que verdadeiramente gere resultados estratégicos.

Por isso a importância da coerência entre um propósito bem definido e a prática.

São duas coisas que precisamos vigiar sempre:

  1. Agir de forma sustentável – processos, políticas e ferramentas que entreguem resultados de curto, médio e preferencialmente de LONGO prazo;
  2. Fazer a manutenção do alinhamento das pessoas e das práticas à missão da empresa ou equipe (garantindo coerência interna).

Lembra: processos podem ser modificados rapidamente, mas as pessoas precisam de mais tempo pra modificar seu comportamento.

E são as pessoas que impulsionam os teus resultados, não o contrário.

Às vezes elas vão precisar de 5 anos…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *