Perguntas Liderança Liderarcomproposito1

FAÇA PERGUNTAS

Sabe aquelas ‘correções de trajeto’ que tu precisas aplicar no foco e comportamento dos teus liderados?

Pois é, quanto MENOS orientações tu der e MAIS perguntas tu fizer, melhores são as chances de criar autonomia, alinhamento e engajamento.

Eu sempre digo que a melhor forma de transmitir uma ideia diferente para outra pessoa é estimulando uma conclusão.

Não simplesmente expondo uma conclusão.

A técnica é simples, inicia-se com uma visão sistêmica, mais abrangente, e finaliza-se com a visão específica que quero transmitir. De preferência, que meu interlocutor chegue no ponto específico sem que eu precise verbalizá-lo.

Tudo através de conceitos chaves e perguntas, muitas perguntas.

Aconteceu comigo (de maneira resumida):

Eu: Quero só trocar uma ideia rápida contigo, poder ser?

Liderada: Ué, claro.

Eu: Lembra da tua última avaliação e o que combinamos para melhorar?

Liderada: Lembro…

Eu: Como te parece esta combinação depois destas semanas?

Liderada (apreensiva, mas sincera): Hum…na verdade nada bom… Não consegui seguir muita coisa do que combinamos.

Eu: O que aconteceu?

Liderada (luta e fuga): Não sei, sei lá, travei, não consegui… acho que não sou capaz…

Eu: O que aconteceu de verdade?

Liderada (cedendo): Eu acho que… fiquei com medo.

Eu: Entendo, é natural ter medo de coisas diferentes certo?

Liderada (insight): Sim… e acho que no final das contas a proposta era justamente enfrentar esse medo…

Eu: Exato, já conversamos sobre isso e chegamos em uma combinação sobre estas atitudes. Como tu te sentes não conseguindo realizar as combinações?

Liderada: Mal né! Muito mal, frustrada…

Eu: E como tu acha que eu me sinto te vendo não realizar as combinações?

Liderada (insight): Decepcionada comigo… depois de toda aquela conversa… (pausa) Ok, eu entendi o que tu quer dizer. Eu vou me esforçar mais, não quero me sentir assim e não quero que tu te sinta assim em relação a mim.

Eu: Eu confio que tu podes fazer isso: se esforçar mais. Mas quero sempre saber se posso te ajudar. Tem mais alguma coisa que eu possa fazer pra te ajudar nisso?

Liderada (sorrindo): Acho que não…o que eu precisava tu acabou de me dar: consciência do que realmente era a nossa combinação. Preciso enfrentar esse medo logo, senão ele vai acabar com o meu profissional.

Eu: Maravilha, combinamos então que nas próximas semanas as mudanças vão ser realizadas?

Liderada: Sim, isso precisa ser feito. Combinado!

A orientação foi dada, mas de uma forma colaborativa, onde o próprio liderado definiu aquilo que precisava fazer (enfrentar o medo) a partir das reflexões instigadas pelas perguntas.

Mas lembra que cada liderado funciona de uma maneira. Alguns vão precisar de perguntas mais diretas, outros de perguntas mais abertas. Alguns de explicações, outros de quase nenhuma.

Para fazer as perguntas certas, tu precisas conhecer teus liderados e ter clareza da orientação que queres estimular.

Os melhores insights são gerados através de perguntas.

Perguntas são poderosas.

Faça perguntas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *